Resolvendo a questão do som do Limbo no Ubuntu

Muitos usuários Linux (como eu) ficaram maravilhados com o último Humble Indie Bumble V, que ofereceu jogos fantásticos por um preço extremamente acessível e de maneira multi plataforma. Pessoalmente, joguei Bastion e Swords & Sworcery sem nenhum problema no meu Ubuntu, o que me deixou muito satisfeito, pois os dois jogos são fantásticos. Infelizmente, quando parti pro Limbo, tive um pequeno, porém irritante problema: o som não saía. Pra um jogo imersivo como esse, esta é uma característica essencial. Enfim, buscando pelos blogs da vida, encontrei uma solução desse problema para o Amnesia, que acabou funcionando com o Limbo 🙂

Sinistro, não?

Então, aqui vamos nós… basicamente o que você deve fazer é matar o “pulseaudio“, gerenciador de audio do Linux, quando for jogar o jogo. Mas isso pode ser um incomodo de ser feito toda hora, inclusive porque depois de alguns minutos sem ele funcionar, o pulseaudio é reativado e os problemas voltam. Nossa solução é criar um lançador para o jogo que já diga que o queremos sem o pulseaudio ligado durante o jogo. Pois bem…

Abra o Terminal (CRTL+ALT+T) e digite o seguinte comando:

gedit /home/SUAPASTAHOME/.pulse/client.conf

Isso irá abrir (e criar, caso ainda não exista) o arquivo client.conf. Dentro dele, cole a seguinte linha:

autospawn = no

Ou troque yes por no, caso já exista essa linha. Salve o arquivo. Acabamos de desativar o “reativamento frequente” do pulseaudio. Agora precisamos adicionar o pulseaudio novamente aos aplicativos que inicializam junto com o sistema, para que você possa ter seu aúdio funcionando normalmente sempre que reiniciar seu computador. Abra o Aplicativos de Sessão (procure na dash, ou no seu menu) e adicione uma novo programa inicial como feito na imagem abaixo. Salve após ter terminado.

Abra um novo documento no Gedit e digite (ou simplesmente copie e cole) o seguinte:

#! /bin/bash 
killall pulseaudio 
\/opt/limbo/bin/wine --bottle default --workdir 'C:\Program Files\limbo' --wait-children --cx-app limbo.exe 
pulseaudio -D

Feito isso, salve o arquivo com o nome que quiser, com um .sh no final (ex: Limbo_funfa.sh), no local onde desejar. Clique agora com o botão direito no arquivo e vá em Propriedades, na aba Permissões e marque a caixa: Permitir a execução do arquivo como um programa. Pronto. Um simples duplo clique bastará para iniciar o jogo. Você pode adicionar o executável .sh no menu através do editor de menus (procure na Central de Programas).

Eu recomendo fortemente que, após concluir o jogo, você volte a ativar o autospawn (trocando o “no” por “yes”) e desative o programa criado para reativar o pulseaudio, para que ele volte a executar como fazia em suas configurações padrão.

Divirta-se no Limbo! 🙂

Anúncios

2 thoughts on “Resolvendo a questão do som do Limbo no Ubuntu

  1. Olá! Amigo obriga pelo post ajudou porem estou com um problema no som do Ammenesia e vi que vc dissw que resolveu, teria como informar como fez isso??
    abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s